CONHEÇA A HISTÓRIA DO DISTRITO DE TINGUI QUE FOI FUNDADO EM MEADOS DO SÉCULO XIX

Por Cláudio André, publicado em 19 de fevereiro de 2019

O distrito do Tingui, fica na zona rural do município de Água Branca, alto sertão de Alagoas, há poucos quilômetros da maior obra hídrica do estado. No Tingui, vive em torno de 350 famílias, onde a maioria sobrevive da agricultura devido a irrigação existente que origina-se no Canal do Sertão, obra que se arrasta há quase 30 anos e não foi concluída ainda.

Na imagem você pode visualizar do distrito do Tingui, o Morro do Padre, um dos pontos turísticos da região. Esse nome de morro do Padre se deu por que existia um padre há mais de 100 anos na comunidade que ao passar por uma cancela no pé da serra, morria de medo que uma grande rocha rolasse serra abaixo e viesse a provocar a morte dele e durante as missas ele falava direto nisso. Não se sabe de que morreu afinal o sacerdote daquela região.

A igrejinha de Santo Antônio é centenária, feita de tijolo dobrado e pertencente a família do senhor Nelo, morador da comunidade e um dos guias de turismo reconhecido pelo IMA – Instituto de Meio Ambiente de Alagoas.

Esse casarão antigo é uma das construções muito antigas e servia de ponto de parada de Lampião nas vezes que ele esteve visitando a região do Tingui. Segundo seu Nelo, o distrito tem mais de 150 anos de fundação.

Muita gente desconhece a planta que da nome ao lugar, Tingui. Dizem os mais velhos que realmente ingerir essa fruta é muito perigoso, porém, tocar ou cheirar ou ver não tem problema algum, a não ser que provoque algum tipo de alergia em determinadas pessoas. Na foto acima, a chegada no distrito do Tingui.

Nenhuma descrição de foto disponível.
Segundo histórias dos idosos do distrito, havia um senhor chamado de Arnaldo, exímio criador de gado, suas criações começaram a morrer envenenadas ao comerem o tingui.

O Morro do Padre fica a menos de 100 metros do Tingui
O distrito de Tingui fica há 04 km da BR-423, que faz ligação do estado de Alagoas com a Bahia e Pernambuco. O fluxo de caminhões e carretas é muito grande diariamente. Para se chegar ao Tingui o acesso é por uma estrada de terra, onde você tem duas opções, tem uma entrada há 100 metros do distrito do Tabuleiro (as margens da rodovia BR-423) e a outra pelo povoado Alto dos Coelhos, que também pertence ao município de Água Branca.
Igreja de Nossa Senhora da Conceição do Tingui/AL
A religiosidade é a marca do povo do distrito de Tingui, no município de Água Branca, alto sertão de Alagoas. Um comunidade simples, um povo trabalhador e ao seu redor uma beleza inigualável, onde as serras proporcionam um contato direto com natureza. A reserva ecológica da serra da Pedra Montada, que é uma área demarcada pelo Instituto do Meio Ambiente de Alagoas – IMA, da a oportunidade aos visitantes conhecer a fauna e a flora do lugar.
A partir desse ponto foram 2 km e 350 metros de trilha dentro da caatinga.
O senhor Nelo, agricultor, morador e trilheiro da comunidade do Tingui, nos acompanhou durante toda a trilha da Pedra Montada. O local está bem sinalizado, as placas vai mostrando os pontos de paradas e informando a cada distância percorrida, a quantidade de metros de altitude já caminhados. É uma verdadeira maratona até chegar ao cume da serra.

O nossos agradecimentos ao seu Nelo, caboclo do sertão que conhece cada centímetro da trilha e o que a fauna e a flora tem de melhor. A partir dessa cancela já começamos a trilha acima dos 300 metros de altitude e no topo chegamos aos 600 metros de altitude acima do nível do mar.
Tudo da certo quando você da o próximo passo. A cada trilha que faço, mais me fascina o contato com a natureza, mais me empolga conhecer as belezas naturais que somente a caatinga tem a oferecer. A partir dessa porteira comecei a subir os 600 metros de altitude da serra da Pedra Montada, dentro da reserva ecológica Carunã, no distrito de Tingui, zona rural de Água Branca, no alto sertão de Alagoas.
A igrejinha de Santo Antônio guarda relíquias do século XVIII, uma estrutura que serve ainda de hoje como ponto turístico religioso. 

Com quase 2 mil moradores, o distrito de Tingui tem a sua importância histórica do município de Água Branca e está há poucos metros do Canal do Sertão. Nessa imagem você visualiza a pracinha da comunidade e ao seu redor tem casarões antigos que no passado serviram de abrigo para o cangaceiro Lampião e sua tropa.

O riacho do Tingui fica na chegada da comunidade. No tempo de trovoadas, por exemplo, ao receber água que escorre das serras e outros riachos próximos, deixa a pequena passagem molhada sem condições de trafegabilidade. Entre caraibeiras, angicos, algarobeiras, está o Tingui. 

Seu Nelo e eu, logo cedo contemplando a beleza da caatinga
Nessa região, a algaroba é o nome dado ao fruto da algarobeira, planta largamente difundida e cultivada na região do semi-árido do Nordeste Brasileiro. Cientificamente, pertence à família Leguminosae, subfamília Mimosoideae sendo conhecida por 44 espécies.

Aguardem as próximas postagens…

SAIBA MAIS
A cidade de Água Branca está localizada na região Nordeste, na microrregião do Sertão Alagoano, com uma altitude de 550 metros acima do nível do mar. Possui 195 localidades e abrange uma área de 456,7 Km². 
Estima-se sua população em cerca de 20.000 habitantes. O nome Água Branca, originou-se de um conjunto de fontes naturais com límpidas águas existentes na região. Foi denominada Mata Pequena, Matinha de Água Branca, e por último, “Água Branca”.

        PATROCINADORES DESSA REPORTAGEM           
DORIEL%2B780X250

ANDRE%2BBERNARDO%2B780X132

ccab4a4100c7e6b925266207d6b203a6
BIO%2BNOVO%2B400x400
.com/
central02

Mais sobre:

Cláudio André

Cláudio André Santos, natural da cidade de Olho d'Água das Flores, sertão de Alagoas,formado em radiojornalismo, é poeta, blogueiro, radialista profissional (Reg.3059 - DRT-PE) e escritor. Tem doze livros de poesias e crônicas publicados. Premiado Pelo Ministério da Cultura em 2009 com o Projeto Cultural Minha Imaginação é um Poema. Estudou além Radiojornalismo, Francês e Filosofia. Membro efetivo da Associação Alagoana de Imprensa (Reg.678). Fundador da Rádio Olho d'Água FM, criador do Projeto Música na Escola e ex-seminarista. Show-man. Foi um dos fundadores e diretor-executivo da Associação de Blogueiros de Pernambuco (ABlogpe). Fundador do Sistema Online Poeta de Comunicação (Blog, Site, Studio, Lista telefônica, Rádio Web e TV Web). Trabalhou em mais de uma dezena de emissoras de rádio nos estados de AL, PE, SP. Tecnólogo em oratória, em técnicas de vendas e administração empresarial pelo SENAC. Tem várias premiações como repórter e blogueiro. Destaque na área do fotojornalismo. Criador do projeto ecológico/educativo Poeta Viagens e Aventura.

Estatísticas do Google Analytics

gerado por GADWP 

CONHEÇA AS SERRAS DE BOM CONSELHO

SEDUÇÃO CAMISARIA

MOURA CONTABILIDADE

LISTA TELEFÔNICA DO POETA

MALHARIA COLATINO

BIO FITNESS ACADEMIA

ANUNCIE AGORA MESMO

VEM AÍ RÁDIO ATITUDE FM

Últimas